Temer é réu pela quarta vez. Agora no inquérito dos portos Justiça de Brasília acatou pedido do MP

0
Brasília- DF 07-03-2017 Presdiente Temer durante Cerimônia de Posse dos Ministros da Justiça e Segurança Pública, Osmar Serraglio, e das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira Foto Lula Marques/Agência PT

O ex-presidente Michel Temer  já é réu em quatro ações penais, denunciado em três inquéritos e está sendo investigado em mais cinco crimes. Ao todo são 12 investigações em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Brasília.

Hoje, o juiz federal Marcus Vinicius Reis Bastos aceitou  tornar Temer réu pela quarta vez, na denúncia contra o ex-presidente no  inquérito dos portos.

Além de Temer, o ex-deputado federal e ex-assessor da Presidência da República Rodrigo Rocha Loures, o amigo pessoal do ex-presidente João Baptista Lima Filho e um sócio dele se tornaram réus junto com executivos da empresa Rodrimar, principal corruptora acusada no inquérito.

Segundo a denúncia, o ex-presidente praticou os crimes de corrupção ativa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro na edição do Decreto 9.048/2017, do setor portuário.

Comentários