Quando Dilma irá para a Prisão? Perseguido pela Lava Jato Lula se agarra em Dilma, que afunda junto com amigo

0
Dilma e Lula conversam sobre crimes ao telefone
Lula e o abraço do afogado – foto da internet

Depois de Lula perder, na última sexta-feira, o foro privilegiado dado por Dilma, o que se discute nos corredores do poder é quando Dilma Rousseff estará como Lula fugindo da prisão. Lula certamente será preso e em breve, mas opiniões divergem quanto a atual presidente.

Dilma poderá ser impedida de governar e seguir direto para a penitenciária, já que existiriam provas robustas do envolvimento dela nos crimes praticados pela quadrilha desbaratada pela operação Lava Jato.

O grave é desta novela, é que a quadrilha não para de cometer crimes. Segundo o ex-presidente do STF e do STJ Carlos Velloso, em importante entrevista no Estadão, o juiz Sergio Moro acertou ao divulgar o grampo entre Lula e Dilma Rousseff, lá no telefone revelados mais crimes da dupla.

“A Constituição consagra o princípio da publicidade dos atos processuais, (…) O telefone grampeado era o do investigado (Lula). A presidente telefonou para o investigado e veio para os autos o diálogo maldito, que deve ser avaliado pelo Ministério Público. E este, se entender que houve a prática de crime por parte da presidente da República e de novo crime por parte do investigado, pedirá a remessa das peças ao Supremo. O juiz Moro está conduzindo as ações penais com severidade, o que é bom, mas com critério e com respeito ao devido processo legal”.

É, parece que não tem jeito. Dilma Rousseff cometeu novos crimes ao mandar para Lula um termo de posse de ministro assinado, apenas para ele fugir da prisão. Usou o cargo de presidente da República para beneficiar um amigo encrencado com a Lava Jato.

Para a OAB, Dilma cometeu crimes. Eles passaram a apoiar o impedimento da presidente por interferência na operação Lava Jato, pelas pedaladas fiscais e por renúncia fiscal.
Já o advogado da União, José Eduardo Cardoso disse para a OAB que Dilma não cometeu nenhum crime. Adoro o lado humorista de certos advogados.

Comentários