Presidente do PROS é procurado pela polícia Eurípedes Júnior é considerado foragido

0

A Polícia Federal (PF)  procura o presidente nacional do PROS, Euripedes Júnior, que teve mandado de prisão decretado pela Justiça Federal do Pará.

O presidente do PROS fraudou licitações no Para e comprou até um avião. A Operação Partialis é um desdobramento da Operação Asfixia, deflagrada em junho de 2016, sobre fraudes em licitações da Prefeitura de Marabá no Pará.

Segundo as investigações, servidores corruptos recebiam propina para facilitar o pagamento de créditos atrasados.

A Receita Federal participou da acaçconjunta com a Policia Federal e cumpriram 17 mandados em Marabá e Altamira no Pará e em Brasília DF.

Eurípedes Júnior também está sendo investigado por recebimento de propina  em 2014. O caixa 2 foi em  troca de apoio do Pros à coligação da ex-presidente Dilma Rousseff.

Comentários