PornoCPI da Covid: Ex-atriz posta montagem depondo no Senado

0

A ex-atriz pornô Mia Khalifa postou em suas redes sociais uma foto montagem onde aparece depondo na CPI da Covid-19 no Senado Federal.

É a cara do circo onde investigados mais sujos que pau de galinheiro investigam outros criminosos que ampliaram os números da tragédia que beira ao meio milhão de mortos.

A moça deu guarida para um comentarista que escreveu: “E ela ainda encontra tempo para salvar o Brasil da COVID”. Uma reportagem chamada de uote Tweet que permite que você diga algo junto com seu Retweet, enquanto mostra às pessoas o tweet original. Literalmente, você está dizendo algo acima do Retweet. Isso dá a seus leitores um quadro de referência sobre o que você está falando rapidamente.

Ela ficou mais famosa no Brasil depois que foi citada na 3ª feira (8.jun) em uma provocação de Randolfe Rodrigues (Rede-AP) a Luis Carlos Heinze (PP-RS).

senador Heinze, que apoia o governo na comissão, disse na reunião de 25 de maio que uma pesquisa publicada pela revista Lancet, que comprovava a ineficácia da cloroquina como tratamento de covid-19, foi retratada depois que se descobriu que teria sido financiada por uma empresa de uma atriz pornô.

“Pesquisadores começaram a investigar e descobriram que a gerente de vendas da Surgisphere era –pasmem, senhoras deputadas que estão aqui, senhores senadores!–; a gerente de vendas da Surgisphere era uma atriz pornô. Uma atriz pornô. Nada contra ela. E a diretora científica era uma escritora de ficção científica. Não era uma grande entidade médica que contratou a pesquisa, senador Marcos Rogério. Esse é o absurdo.”, disse o senador na ocasião.

Na internet, a fala foi relacionada a uma notícia falsa que defendia o uso da cloroquina como o tratamento para covid e citava uma médica “prodígio” do Brasil, mas a foto era da ex-atriz Mia Khalifa. Um circo, onde os palhaços estamos, além do picadeiro, do outro lado da telinha.

Comentários