Polícia prende suspeitos de assassinarem Marielle Franco, vereadora no Rio de Janeiro Ação acontece em 15 endereços com busca e apreensão

0
Marielle Franco e Anderson

A Polícia Civil do Rio de janeiro cumpre nesta quinta-feira (13) os primeiros mandados de prisão e de busca e apreensão na investigação dos assassinatos da vereadora Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes.

Segundo a Polícia Civil, as prisões são contra grupos de milicianos que agem no estado e entre eles, alguns que teriam participado diretamente do crime.

As buscas acontecem em pelo menos 15 endereços diferentes no Rio de janeiro e em Minas Gerais na cidade de Juiz de Fora.

Em Angra dos Reis, uma equipe de policiais foi encurralada por criminosos na Costa Verde com troca de tiros. Um agente saiu ferido.

Outras diligencias acontecem na na Baixada Fluminense, Zona Oeste do Rio, em Nova Iguaçu e Petrópolis.

Comentários