Polícia Federal entra no caso das laranjas do ministro do Turismo em Minas Gerais Suspeitas são de candidaturas que serviam para desviar recursos eleitorais

0

A Polícia Federal decidiu entrar nas investigações sobre o esquema de candidaturas laranjas do PSL em Minas Gerais que estariam ligadas a Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo.

Na manhã desta sexta-feira (22), delegados da PF se reuniram com o Ministério Público que vai enviar o material do caso à PF na próximo quarta-feira, com os termos de depoimentos de pelo menos sete pessoas envolvidas —as oitivas estão marcadas para esta sexta e para próxima terça.

O pedido de reunião foi feito pelo promotor de Minas Gerais, Fernando Ferreira e a PF deve instaurar inquérito paralelo às investigações do MP.

 

Comentários