PF prende Hackers de Moro Quatro pessoas foram detidas

0

A Polícia Federal prendeu quatro pessoas acusadas de invadir o celular do então juiz da Lava Jato e hoje ministro da Justiça, Sergio Moro.

Segundo nota divulgada pela Polícia Federal, a Operação Spoofing  “falsificação tecnológica que procura enganar uma rede ou uma pessoa fazendo-a acreditar que a fonte de uma informação é confiável quando, na realidade, não é”, tem o “ objetivo de desarticular organização criminosa que praticava crimes cibernéticos”.

Na operação foram cumpridas 11 ordens judiciais, sendo 7 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de prisão temporária, no estado de São Paulo, sendo na capital, em Araraquara e Ribeirão Preto.

Comentários