Moro diz em Davos, que Brasil combate a corrupção com fim de barganhas Ministro participa de debate na Suíça

0

O ministro da Justiça, Sérgio Moro disse no Fórum que participa com o presidente Bolsonaro em Davos, na Suíça, que o Brasil mudou a prática de barganhas políticas em direção ao fim da corrupção.

Segundo Moro, “O governo tem discurso forte contra a corrupção e vem adotando práticas sobre algo que não foi feito em 30 anos no Brasil, que é não vender posições ministeriais na barganha pelo poder. E nomeou pessoas técnicas. O compromisso do governo é forte contra a corrupção.”

Moro também defendeu as reformas. Para ele, “Nós precisamos de reformas gerais para reduzir o incentivo e as oportunidades de corrupção. Nós precisamos de liderança do governo federal contra a corrupção e nós não vimos isso nos dois últimos governos. Esta é uma das razões pelas quais eu decidi deixar meu cargo de juiz e ir para o governo.”

Sobre o caso que envolve o senador eleito do Rio de Janeiro, Flávio Bolsonaro, Moro disse que não cabe a ele comentar as investigações, mas que “as instituições estão funcionando”, argumenou.

O Fórum de Davos, na Suíça, reúne países integrantes do G20, grupo dos países que discute a economia mundial.

Comentários