Militares podem governar quatro estados brasileiros e o Distrito Federal Quatro militares já têm apoio para candidaturas aos governos estaduais e distrital

0

A insatisfação popular com a alarmante corrupção que assola o país, levou militares à postularam candidaturas aos governos estaduais e do Distrito Federal.

A maioria deles assume terem sido  levados à pré-candidaturas por insistência de companheiros de farda, que querem ver o fim da corrupção, sem a necessidade de uma intervenção militar sangrenta.

Pelo menos em quatro estados e no Distrito Federal estão adiantadas as negociações para as candidaturas dos militares. Eles contam com apoio, além  dos de companheiros de farda, de grande parte da população que acredita na formação rigida, treinamento especializado para defender a patria e capacidade de comando dos militares.

Veja quais são os estados que já possuem candidatos militares ao governo eatadual:

Acre

Coronel Ulysses

 

 

 

 

 

Ceará

General, Theóphilo

 

 

 

 

Distrito Federal

General de brigada, Paulo Chagas

 

 

 

 

 

 

Maranhão

Coronel, Monteiro

 

 

 

 

 

 

Rio Grande do Norte

General de Brigada, Monteiro

 

 

 

 

 

 

O Rio de Janeiro terá o Capitão, Jair Bolsonaro candidato a presidente da república.

Em diversos estados, militares também são pré-candidatos a deputados estaduais e federais e senadores.

Em Brasília, o general Paulo Chagas despontou no cenario nacional depois de afirmar aos ministros do Supremo que ” ministro que solta bandido não é ministro”.

Paulo Chagas também foi o general mais explícito no Twitter, ao apoiar o comandante do exército general Vilas Boas que avisou ao STF para não soltarem o ex-presidente Lula. veja:

Comentários