Manuela D’ávila confessa ser elo entre hacker e Intercept Comunista divulgou nota em que confirma depoimento de Vermelho, mas não explica porque se manteve calada sobre os crimes até agora

0

Em nota divulgada há  pouco, a ex-candidata a vice-presidente da República na chapa de Fernando Haddad do PT, Manuela DÁvila confessou ter sido o elo de ligação entre os invasores dos celulares de autoridades brasileiras e o site que atacou a operação lava jato com mensagens roubadas.

No entanto, a comunista não explicou o porquê de ter ficado calada durante todo o período, depois que os ataques à operação Lava Jato se iniciaram no site de tendência à esquerda.

Veja anota:

Nota de Manuela não explica porque só falou, depois de relatada sua participação nas tratativas que culminaram nos ataques à Lava Jato
Comentários