Malandro Baiano expulsa Botafogo e pró-boquinha quer cassar filho de Déspota

0

O deputado Tuca (Arthur Maia) disse que a bancada do DEM deliberou a expulsão de Botafogo (Rodrigo Maia) do partido, depois que ele chamou o Anão das planilhas da Odebrecht (ACM Neto), de “malandro baiano”.

Tuca, que apoia o bolsonarismo e foi acusado por Botafogo de pertencer à ala da mamata no governo Bolsonaro do partido, defendeu também que o mandato seja cassado.

Tuca, chamado de pró-boquinha por Botafogo, publicou no Twitter:

“O DEM deliberou pela expulsão de Rodrigo Maia. Depois que perdeu todo o apoio dentre os deputados, não havia mais clima para ele no partido. Agrediu ACM Neto para forçar a expulsão e tentar driblar a lei eleitoral, pois a expulsão teoricamente não dá perda de mandato.

Mesmo sendo expulso, Rodrigo Maia deverá perder o mandato, pois é óbvio que a agressão gratuita e grosseira contra o presidente do partido configura uma desfiliação indireta. Ninguém poderia admitir a sua permanência com o propósito deliberado de insultar as pessoas.”

Uma festa no DEM. Segundo delatores da assassinada operação de combate a corrupção, Lava Jato, Rodrigo Maia era “Botafogo” nas planilhas do crime e o pai dele, César Maia, era o “Déspota”.

É com essa gente que o presidente Jair Bolsonaro anda agarrado.

Comentários