Lula pede ao STF para ir no enterro de irmão Juíza, TRF 4 e PF haviam negado pedido

0

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo para acompanhar o enterro do irmão dele, Genival Inácio da Silva, o Vavá, morto nessa terça-feira.

O pedido será avaliado pelo presidente do Tribunal, ministro Dias Toffoli. Neste momento, 11:00 , Gleisi Hoffmann, Paulo Pimenta, Fernando Haddad e outros petistas estão fazendo uma transmissão ao vivo, direto do cemitério, defendendo o criminoso que está preso em Curitiba.

No início da madrugada a juíza Carolina Lebbos, após manifestação contrária da Polícia Federal (PF) de Curitiba, e do Ministério Público negou o pedido de Lula. A juiza destacou inclusive postagens do senador Lindbergh Farias sobre um ato político a ser realizado no enterro pró Lula Livre.

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) disse que a decisão é da Polícia Federal, que também negou ter como levar o presidiário ao enterro.

A justiça decidiu baseada em convocações de ato político com chamamento de multidões. Em um trecho da decisão a juíza descreve ” um vídeo publicado no Youtube, o Senador Lindbergh Farias, líder
do PT no Senado, convoca as pessoas para comparecerem a São
Bernardo do Campo, que, segundo ele, será “um espaço importante
de defesa da democracia e de repudiarmos toda essa perseguição que acontece com a família do presidente Lula e o presidente Lula” link do vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=OfTmyLXAIWo
A tendência é que a militância petista compareça em grande número
ao cemitério para tentar se aproximar de Lula, que, mesmo preso,
continua exercendo forte liderança dentro do partido e entre
simpatizantes” descreve.

 

Comentários