Lula está livre por decisão de Marco Aurélio que soltou todos os condenados em segunda instância Decisão monocrática beneficia corruptos e demais criminosos

0

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, determinou nesta terça-feira (18) a liberdade para o ex-presidente Lula e todos os demais  presos por condenações na segunda instância da Justiça, cujo processo não tenha transitado em julgado com acórdão.

A vergonhosa liberdade para criminosos foi justificada pelo ministro assim: Defiro a liminar para, reconhecendo a harmonia, com a Constituição Federal, do artigo 283 do Código de Processo Penal, determinar a suspensão de execução de pena cuja decisão a encerrá-la ainda não haja transitado em julgado, bem assim a libertação daqueles que tenham sido presos, ante exame de apelação, reservando-se o recolhimento aos casos verdadeiramente enquadráveis no artigo 312 do mencionado diploma processual

Comentários