Lula embolsou R$ 300 Milhões roubados pela Odebrecht e entregues por Palocci Ex-ministro disse que critérios de riscos de empréstimos eram burlados por Lula

0

O ex-ministro da fazenda, Antonio Palocci disse na CPI do BNDES que entregou no fim do último mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, R$300 milhões em propina para o condenado.

Palocci disse que a dinheirama serviria para o governo Dilma manter o esquema de roubo do dinheiro público em conluio com a Odebrecht.

Segundo Palocci “a escolha dos campeões nacionais, favorecidos por empréstimos, partia de Lula”.

Os empréstimos fraudulentos chegam a impressionante quantia de R$ 500 bilhões. O depoimento do ex- ministro aconteceu no mesmo dia em que integrantes da quadrilha do criminoso, atacavam o ministro da Justiça, Sérgio Moro, em audiência na Câmara, na tentativa de desqualificar as condenações do ex-presidente Lula, chefe do bando.

 

Comentários