Juíza solta estuprador Roger Abdelmassih O ex-médico é condenado a 173 anos de cadeia

0

Contrariando a orientação do ministro da Justiça, Sérgio Moro e do ministro Luís Fux do STF, a juíza da 1ª Vara das Execuções Criminais de Taubaté, Sueli Zeraik de Oliveira Armani, autorizou o estuprador Roger Abdelmassih a cumprir prisão domiciliar, em razão da pandemia do novo coronavírus.

Ele tem 76 anos e está preso em Tremembé e foi condenado a 173 anos de prisão por abusar de pelo menos 56 mulhheres que foram suas pacientes.

O ministro Luiz Fux tem se posicionado contra a liberação em massa. “Os juízes criminais devem ter em mente que o Conselho Nacional de Justiça ‘recomendou’ e não ‘determinou’ a liberação dos presos em regime semiaberto, sob pena de a dose dos remédios recomendados matar a sociedade doente e gerar uma crise sem precedentes na segurança pública nacional”, disse há alguns dias.

Comentários