#ForaRenan: homologada delação que incrimina senador

0
#forarenan está entre as campeãs no ranking nacional

Ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin homologou delação que atinge pretensões de Renan Calheiros de voltar a ser o presidente do Senado.

SALVARBrasil 29.12.18 08:20


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin homologou a delação de ex-lobista da Petrobras, operador financeiro da quadrilha do MDB e hoje delator, Jorge Luz. O criminosos contou para a Procuradoria Geral da República detalhes sobre os repasses milionários de dinheiro roubado da petroleira para o senador Renan Calheiros e seu grupo político.

O acordo de delação premiada de Luz , que é mantido sob sigilo no STF, foi homologado no fim do mês passado, mas só veio a tona agora. A delação de Jorge Luz inclui a devolução de R$ 40 milhões de reais que ele roubou e devem estar escondidos pelo criminoso.

O ladrão confesso afirma que repassou R$ 11,5 milhões para os comparsas dele com mandatos no Senado, Renan Calheiros, Jader Barbalho e Silas Rondeau, além do deputado federal, senhor Aníbal Gomes.


Comentários