E DAI Bia kics? 20 mil mortos, e daí? Incompetência e descaso com orgulho

0

A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) apareceu na quarta-feira, 20, no plenário da Câmara, usando máscara de proteção com a inscrição “E daí?”.

A parlamentar mantém a linha de desrespeito total aos parentes e amigos de mais de 20 mil pessoas mortas pela covid-19.

A pergunta “e daí?” é o símbolo da incompetência, do descaso com a coisa pública e desprezo pelos enlutados, desde o dia 28 de abril, quando o presidente Jair Bolsonaro afirmou não ter o que fazer em relação ao então recorde de mortes na pandemia do novo coronavírus.

“E daí´? que o Brasil
ultrapassou a China em número de mortes, disse Bolsonaro no dia que superamos o número de mortes na China, local onde surgiu o vírus.

O proprio Bolsonaro, depois de bombardeado nas redes sociais até amenizou o tom de suas declarações, mas continua a defender o fim do isolamento social.

O “E Daí?”, de Bia Kicis elogiou no plenário da Câmara, com sua máscara as famílias das cerca de 20 mil mortos até agora. No discurso ela homenageou a mudança que Bolsonaro obrigou um general que comanda o ministério da Saúde a fazer no protocolo sobre o uso da cloroquina no combate ao coronavírus.

Por ordem do presidente, o general interino publicou a recomendação de uso da hidroxicloroquina também para casos leves de covid-19.

A decisão comemorada por Bia Kics não encontra respaldo no meio científico e foi um dos motivos de Bolsonaro demitir dois ministros da Saúde, até decidir manter um general no comando do ministério.

Comentários