Cuidado integral ao idoso é tema do segundo Conexões Educação em Cena

0
Da esquerda para a direita: Margô Karnikowski, Gilcilene El Chaer e Alexandre Lemos.

O cuidado integral à pessoa idosa – o papel do farmacêutico, foi o segundo tema da série Conexões Educação em Cena, que está disponível desde na página da 2 em 1 Comunicação e Educação, realizadora do programa em parceria com a TV BSB Magazine, com o apoio da +Conexão e da Associação Nacional dos Centros Universitários (Anaceu).

Apresentado pelo jornalista Alexandre Lemos, o programa trouxe a farmacêutica Dra. Gilcilene Maria dos Santos El Chaer, presidente do Conselho Regional de Farmácia do DF, e a farmacêutica Dra. professora da UnB e fundadora da UniSER, Margo Gomes de Oliveira Karnikowski.

Sobre o envelhecimento da população brasileira, Gilcilene El Chaer afirmou que “precisamos estar com um sistema de saúde preparado para lidar com esses idosos”. Colocou ainda que não só o sistema de saúde, mas o sistema educacional, a inserção no mercado de trabalho, etc. “O ser humano quer envelhecer com qualidade de vida e os esforços na área da saúde é para melhorar a qualidade de vida dessa população”, garantiu.

A doutora Margô Karnikowski disse que o envelhecimento populacional é um fenômeno mundial e o Brasil foi colocado, em 2016, como o quinto país do mundo em número de idosos. “E infelizmente hoje não estamos totalmente preparados em termos de políticas públicas, em termos de pensar cidades, de pensar infraestrutura, e é o grande desafio para todos os setores da sociedade, construir uma estrutura que permita as pessoas envelhecerem e viverem com dignidade e na área da saúde isso é bastante impactante. Começa pela questão de que hoje nós não tratamos mais o tema pensando na cura da doença, nós precisamos ter estratégias para acompanhamento, monitoramento e cuidado, que é a palavra-chave hoje”, relatou.

De acordo com a doutora Gilcilene, a farmácia sofreu um grande avanço com a Lei nº 13.021, de 2014, “ela mudou o paradigma de farmácia que, até 2014, era vista como um estabelecimento meramente comercial e depois passou a ser considerada um estabelecimento de saúde”. De acordo com a Lei nº 13.021/14, hoje todas as farmácias são estabelecimentos de saúde e precisam, para o seu funcionamento, ter um farmacêutico em todo o seu horário de funcionamento.

E esse farmacêutico faz uma espécie de triagem desses pacientes na farmácia e ele tem esse prerrogativa reconhecida por lei. O que a gente quer hoje é que a farmácia seja reconhecida pela população como essa porta de entrada Temos políticas públicas voltadas para o idoso, mas, na maioria dos municípios, elas não são implementadas.

Veja todo o programa, com duração de aproximadamente 20 minutos, no link a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=dygqW0jlj10&feature=youtu.be.

Conexões Educação em Cena é um programa voltado às questões que envolvem a educação nos níveis básico e superior. É um dispositivo interativo que tem como objetivo pautar temas de relevância às instituições de ensino superior do ponto de vista acadêmico, administrativo, financeiro e pedagógico.

Comentários