Colado em Malafaia, Bolsonaro perde apoio de evangélicos para Lula

0

Evangélicos, ao longo do mandato de Bolsonaro que prometeu atender as pautas conservadoras,e que vem sendo a vertente do governo, estão se distanciando do presidente.

Várias vertentes evangélicas acusam o Bolsonaro de atender apenas as igrejas do Rio de Janeiro, e dar especial atenção ao Pastor Silas Malafaia.

Conforme lideranças importantes de Minas Gerais e em especial as diferentes denominações, apoiar o presidente, será algo mais difícil do que se imagina, pois líderes evangélicos, não enxergam em Malafaia está liderança, e criticam o fato de o presidente desprezar os inúmeros pedidos de agenda.

O ex presidente Luís Inácio Lula da Sila já sinalizou que tem grande interesse em aproximar-se destas lideranças e alardeia o fato de jamais ter fechado a porta para assembléias e demais denominações cristãs.

Na próxima semana, Lula terá agendas com líderes evangélicos mineiros, de olho na corrida pela disputa presidencial em 2022.

Comentários