Bolsonaro sem “toma lá dá cá” vai se reunir com parlamentares nessa semana Onix Lorenzoni diz que acabou prática de trocas entre governo e Congresso

0

O presidente eleito, Jair Bolsonaro deve se reunir nesta semana com mais de 100 parlamentares em Brasília, mas diz que as conversas não terão troca de cargos por apoio no Congresso Nacional.

Jair Bolsonaro vai se reunir também com lideres dos partidos e este será o momento para o candidato eleito mostrar aos seus eleitores que vai cumprir suas promessas de campanha, implementando a “nova fórmula” de governo, sem o pernicioso “toma lá dá cá” utilizado pelos últimos presidentes, em conluio com o roubo do dinheiro público.

O velho hábito criminoso, que envolve partidos e o presidente da República, é um escárnio com a sociedade brasileira, que sabe como o dinheiro público é o alvo das negociações politicas.

Já o futuro ministro da Casa Civil, Onix Lorenzoni, que vai pattcipar das reuniões com os parlamentares,  disse que o governo vai atender as bancadas e estados, mas vai “respeitar” líderes partidários. “Vamos dialogar com todos”, disse o futuro ministro.

Para Onix, o ‘toma lá dá cá”   trouxe o Brasil para o momento que ele está hoje. “Não vai ter cargos, estamos conversando com as bancadas. Os líderes gostaram. Vamos cuidar dos parlamentares, eles serão respeitados”.

Onyx criou duas secretarias na Casa Civil que serão ocupadas por ex-parlamentares que farão a ponte entre o governo o Senado e a Câmara.

Uma das estratégias será prestigiar parlamentares liberando recursos para obras nos seus estados, do governo  federal, em parcerias. “Parlamentares serão convidados à serem padrinhos de projetos estruturantes, por exemplo, de estradas nos seus estados”, declarou Onix.

 

Comentários