Bolsonaro quer que você se contamine com coronavirus

0

O presidente Jair Bolsonaro, como todos já sabem e acompanham nos noticiários desde o início da pandemia, faz de tudo para provocar aglomerações. Esta ação, de juntar pessoas, sem o uso de máscaras, abraçar, cumprimentar e postar nas redes sociais é uma propaganda para alastrar o vírus que causa a covid-19 e mata, quando não deixa sequelas graves.

O raso raciocínio do presidente é de que vamos atingir uma imunidade de rebanho. Foi o que os senadores já ouviram na CPI da Covid-19.

Os depoimentos dos ex-ministros Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich demonstram que o governo Bolsonaro tinha um Ministério da Saúde paralelo que boicotava as ações de distanciamento e o uso de máscaras. Segundo o relator da CPI, Renan Calheiros, o governo Além de negar a gravidade do vírus, sabotou a autoridade dos dois ministros fazendo propaganda do “ministério das Sombras”.

Segundo o ex-ministro Nelson Mandetta, a principal meta desse ministério, que agia nas sombras, era acelerar a contaminação, “O objetivo era alcançar a sonhada imunidade de rebanho o mais rapidamente possível. Daí, o incentivo a aglomerações”, explicou.

Comentários